Posso colocar dois disjuntores em paralelo para maior capacidade?

Geralmente, não é recomendado colocar dois disjuntores em paralelo para maior capacidade devido a várias questões funcionais e de segurança. Os disjuntores são projetados para operar dentro de parâmetros específicos para garantir a segurança do sistema elétrico e seus componentes. Vamos nos aprofundar nas razões pelas quais o paralelismo dos disjuntores é desencorajado:

1. Proteção Coordenada:

  • Operação sequencial: Os disjuntores são frequentemente instalados em um sistema de distribuição de energia com um esquema de proteção coordenado.
  • Disparo seletivo: Cada disjuntor no sistema é projetado para desarmar em uma sequência específica para isolar a parte defeituosa do sistema enquanto mantém a energia em outras áreas. Disjuntores paralelos podem interromper essa proteção coordenada.

2. Problemas atuais de compartilhamento:

  • Desequilíbrio no compartilhamento de corrente: disjuntores paralelos podem não compartilhar a corrente de maneira uniforme.
  • Distribuição desigual de carga: um disjuntor pode transportar mais carga que o outro, causando desequilíbrio e potencial superaquecimento em um dos disjuntores.

3. Coordenação de Sobrecorrente:

  • Coordenação de proteção de sobrecorrente: Os disjuntores em paralelo podem interferir nas configurações de coordenação de sobrecorrente.
  • Segurança comprometida: Essa interferência pode comprometer a segurança do sistema, permitindo o fluxo de correntes de falta mais altas do que as que os disjuntores são projetados individualmente para suportar.

4. Tolerâncias de fabricação:

  • Variações de fabricação: Apesar dos esforços para manter tolerâncias de fabricação consistentes, pode haver variações entre disjuntores individuais.
  • Discrepâncias no compartilhamento de corrente: essas diferenças de fabricação podem resultar em discrepâncias na forma como os disjuntores compartilham a corrente de carga, levando a possíveis problemas.

5. Estresse mecânico e elétrico:

  • Estresse Mecânico: Disjuntores em paralelo podem causar estresse mecânico nos barramentos e outros componentes devido ao aumento do fluxo de corrente.
  • Estresse elétrico: Níveis de corrente mais altos também podem levar ao aumento do estresse elétrico nos contatos e outros componentes internos.

6. Certificação e Padrões:

  • Requisitos de certificação: Os disjuntores são certificados de acordo com padrões específicos que podem não permitir o paralelismo.
  • Conformidade com os padrões: disjuntores em paralelo podem violar os requisitos de certificação, tornando essencial aderir aos padrões do fabricante e da indústria.

7. Desafios de manutenção e testes:

  • Testes Complexos: Os disjuntores em paralelo exigem testes e procedimentos de manutenção mais complexos.
  • Aumento do tempo de inatividade: essa complexidade pode resultar em aumento do tempo de inatividade durante as atividades de manutenção, afetando a confiabilidade geral do sistema elétrico.

8. Considerações sobre custos:

  • Despesas: Os disjuntores em paralelo podem incorrer em despesas adicionais devido à necessidade de equipamentos especializados, testes e procedimentos de manutenção.
  • Custo versus benefício: Os benefícios potenciais de maior capacidade devem ser cuidadosamente avaliados em relação ao aumento dos custos e aos riscos potenciais associados ao paralelo dos disjuntores.

9. Desafios de integração de sistemas:

  • Integração com outros dispositivos: Disjuntores em paralelo podem representar desafios quando integrados com outros dispositivos de proteção e sistemas de controle.
  • Problemas de compatibilidade: garantir a compatibilidade com os sistemas existentes torna-se crucial e pode exigir considerações adicionais de engenharia.

10. Riscos de segurança:

  • Riscos de arco elétrico: Disjuntores em paralelo podem aumentar o risco de incidentes de arco elétrico, representando riscos significativos à segurança do pessoal.
  • Riscos de incêndio: sobrecarregar um disjuntor enquanto o outro carrega menos carga pode causar superaquecimento e possíveis riscos de incêndio.

11. Conclusão:

Concluindo, colocar dois disjuntores em paralelo para maior capacidade é geralmente desencorajado devido às complexidades e riscos envolvidos. É crucial consultar engenheiros elétricos, aderir às especificações do fabricante e aos padrões da indústria e considerar soluções alternativas, como disjuntores únicos de maior classificação ou outros dispositivos de proteção. Quaisquer modificações em um sistema elétrico devem ser realizadas considerando cuidadosamente a segurança, a confiabilidade e a adesão aos regulamentos e padrões relevantes.

Recent Updates